CLOEE CHAO DEFENDE MAIS DOIS DIAS DE FERIADOS OBRIGATÓRIOS

Apesar de se manter contra a introdução do mecanismo de selecção de feriados, a Associação de Direitos dos Trabalhadores de Jogo de Macau, presidida por Cloee Chao, quer ver aumentado o número de feriados obrigatórios, de 10 para 12. Segundo o “Ou Mun Tin Toi”, a associação defendeu essa ideia ontem à tarde numa reunião com representantes da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL). Em declarações aos jornalistas, Cloee Chao frisou que as operadoras de jogo devem ser pioneiras na aplicação do regime de trabalho de cinco dias por semana, para que os direitos laborais de Macau acompanhem os padrões internacionais. Chao disse ainda que a DSAL prometeu fazer chegar a sugestão ao Conselho Permanente de Concertação Social, que irá analisá-la na próxima reunião, marcada para o dia 5.

 

LISBOA ACOLHE REUNIÃO SOBRE ENSINO NO ESPAÇO LUSÓFONO

Cerca de 300 especialistas da área da educação e gestão do ensino superior nos países lusófonos reúnem-se entre hoje e sexta-feira em Lisboa. “O objectivo é aproveitar a presença de todas estas personalidades do espaço da lusofonia para trocarmos experiências, definirmos critérios e métricas para a avaliação das instituições de ensino superior”, disse à Lusa o presidente do Instituto Politécnico de Lisboa (IPL), Elmano Margato, uma das entidades organizadoras da conferência. A VIII Conferência FORGES, co-organizada pelo IPL e pelo Fórum da Gestão do Ensino Superior nos Países e Regiões de Língua Portuguesa, junta representantes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe.

 

DUTERTE REAVIVA “GUERRA” CONTRA IGREJA CATÓLICA

O Presidente das Filipinas reacendeu o confronto com os bispos e padres católicos do país, onde mais de 85% da população professa o catolicismo, aconselhando os filipinos a não irem à igreja para pagar contribuições. “Construam uma capela nas vossas próprias casas e rezem lá, assim não há necessidade de ir à igreja para pagar a esses idiotas”, disse Rodrigo Duterte. Para o Presidente, as “crenças católicas são arcaicas” e os seus ensinamentos não podem ser aplicados ao presente porque estão reféns de uma fé com três mil anos. Na semana passada, Duterte acusou o bispo de Caloocan, Pablo Virgilio David, de roubar, por pedir contribuições aos fiéis mais pobres. O prelado respondeu, afirmando que o Presidente não sabe o que diz, “porque está doente”.

 

ORGANIZAÇÕES DA UE ACUSAM GOOGLE DE “ESPIAR” UTILIZADORES

Sete organizações europeias de consumidores apresentaram ontem denúncias junto de organismos de regulamentação, acusando a Google de “espionar” os seus utilizadores, o que violaria a nova norma de protecção de dados. Apresentada na Noruega, Holanda, Polónia, Grécia, República Checa, Eslovénia e Suécia, a queixa baseia-se num estudo do Conselho Norueguês dos Consumidores que afirma que o grupo americano “utiliza informações enganosas para que os utilizadores sejam constantemente vigiados”. “A Google utiliza os dados pessoais de forma muito detalhada e exaustiva sem uma base jurídica apropriada e os dados são obtidos através de uma manipulação técnica”, afirmou Gro Mette Moen, directora da organização norueguesa. A empresa também é acusada de monitorizar os utilizadores através do “histórico de localizações” e da “actividade na web e de aplicações”, presentes em todas as contas do Google. Em reacção, a Google assegurou que “trabalha constantemente para melhorar os controlos”.

 

GENERAL MOTORS VAI FECHAR SETE FÁBRICAS

A General Motors (GM) anunciou que irá encerrar sete fábricas em todo o mundo, uma medida que faz parte de um plano de reestruturação da empresa e permitirá economizar seis mil milhões de dólares americanos. Em comunicado, a fabricante informou que fechará duas unidades de montagem de veículos nos EUA e uma no Canadá. Além disso, será interrompida a actividade de duas fábricas de motores em território americano, afectando 14.500 funcionários no total. Outras duas fábricas fecharão portas em países não identificados pela empresa, que pretende reduzir em 15% o seu quadro de funcionários. Recentemente, a GM já tinha anunciado o encerramento das actividades da unidade de montagem de Gunsan, na Coreia do Sul.

 

SONDA DA NASA INICIA MISSÃO EM MARTES

A sonda que vai estudar o interior de Marte aterrou no planeta, ao fim de uma viagem de seis meses e meio, anunciou a agência espacial norte-americana NASA. A missão “InSight”, que tem uma duração de dois anos, pretende dar respostas sobre a evolução da formação dos planetas rochosos do Sistema Solar, incluindo a Terra, ao estudar o tamanho, a espessura e a densidade do núcleo, manto e crosta de Marte e a temperatura interior do planeta. Lançada no espaço a 5 de Maio, a “InSight”, que está equipada com instrumentos geológicos, representa o regresso das sondas à superfície de Marte depois de um interregno de seis anos, desde que a “Curiosity” chegou à superfície do planeta em 2012.