Um ano depois de ter sido lançado, o Prémio da Lusofonia abre-se também a textos originais através da criação do Prémio Ensaio

 

Versando obrigatoriamente Macau, o CLUBE PORTUGUÊS DE IMPRENSA (CPI), instituição reconhecida como de utilidade pública, fundado em 1980, e o Jornal TRIBUNA DE MACAU (JTM), enquanto jornal de referência em Língua Portuguesa, que se publica em Macau, ininterruptamente, desde 1982, instituíram o Prémio Ensaio e o Prémio de Jornalismo da Lusofonia, com o alto patrocínio da Fundação Jorge Álvares. Este ano, a iniciativa tem também o apoio do JL-Jornal de Artes, Letras e Ideias que se publica em Portugal

O Prémio Ensaio da Lusofonia é aberto a todos os candidatos com trabalhos originais, em língua Portuguesa, versando obrigatoriamente Macau e o seu enquadramento no espaço lusófono, em suporte papel ou digital.

O Prémio de Jornalismo da Lusofonia destina-se a jornalistas e à Imprensa de Língua Portuguesa de todo o Mundo, também em suporte papel ou digital, devendo igualmente respeitar a Macau como tema principal.

Os trabalhos concorrentes deverão ser enviados, preferentemente por email, ou, em alternativa, por correio convencional, com a indicação “Prémio Ensaio da Lusofonia” e “Prémio de Jornalismo da Lusofonia”, para o endereço electrónico do CPI [email protected], para o endereço electrónico do JTM [email protected] ou, ainda, para a sede do CPI – Rua António Maria Cardoso, 68, 1249 – 101 Lisboa – Portugal.

Os Prémios, com o valor unitário de 5 mil euros, serão atribuídos por um Júri constituído por representantes do Clube Português de Imprensa, do Jornal Tribuna de Macau, do JL – Jornal de Letras, Artes e Ideias (que também se associou a esta iniciativa) e da Fundação Jorge Álvares, sem embargo de, para ele, serem também convidadas personalidades de reconhecido mérito na área do jornalismo e do ensaísmo ou que se tenham distinguido na defesa, divulgação ou ensino da Língua Portuguesa no Mundo.

Aos potenciais concorrentes recomenda-se a leitura atenta do Regulamento que o CPI e o JTM publicam nos seus sites.

Consulte o Regulamento do Prémio de Jornalismo da Lusofonia.