HÁ 20 ANOS

Há 20 Anos

 

POPULAÇÃO APROXIMA-SE

DO MEIO MILHÃO

A população total de Macau contabilizada no Intercensos/96 é de 455.000 pessoas, indicam os dados preliminares daquela operação censitária, divulgados pela Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC). Daquele total, 414.000 pessoas (91 por cento) foram contabilizadas no momento censitário (00:00 do dia 30 de Agosto de 1996) como população residente e 41.000 pessoas (nove por cento) como população flutuante, referem os dados da DSEC. Comparativamente a 1991, ano em que se realizou o último censo em Macau, a população residente aumentou 16,5 por cento, o que equivale a uma taxa de crescimento médio anual de 3,1 por cento, sublinha a DSEC. Estimativas da DSEC referentes a Dezembro de 1995 apontavam para uma população residente em Macau naquela altura de 424.430 pessoas. Os dados divulgados pela DSEC resultam do tratamento de cerca de 90 por cento da informação recolhida no Intercensos/96, realizado entre 30 de Agosto e 08 de Setembro. Os resultados globais do Intercensos/96 deverão ser divulgados a partir de Março de 1997, de acordo com o calendário anunciado pela DSEC no início da operação. O Intercensos/96 envolveu uma equipa de mais de 900 entrevistadores e, segundo a DSEC, atingiu um índice de resposta de cerca de 90 por cento.

 

FÁBRICA DE BETÃO

PARA A CONCÓRDIA

Uma joint-venture, liderada pela empresa portuguesa do sector dos cimentos Adin SA, recebeu aprovação para a instalação no território de uma fábrica de produtos em betão, disse à Lusa uma fonte da empresa. O projecto da Grandland Industrial Company, constituída pela Adin SA e pela empresa local Kwan Lun, recebeu parecer favorável do secretário-adjunto para a Coordenação Económica e encontra-se em fase de negociações para concessão de terrenos no Parque Industrial da Concórdia. O empreendimento representa um investimento de 7,69 milhões de patacas em que a Adin SA detém uma participação de 60 por cento. A fábrica projectada poderá produzir anualmente 91.500 metros quadrados de blocos de cimento para pavimentos, 125.500 metros de lancis para passeios e 800.000 blocos de cimento para construção civil. Entretanto, uma outra joint-venture da empresa portuguesa, constituída da China em 1995, a Zhongshan Vigor Cement Product Manufacturing, iniciou este mês a laboração na primeira de três linhas de produção de pré-moldados e pré-esforçados de betão que irão integrar uma fábrica instalada em Zhongshan, cerca de 60 quilómetros a norte de Macau.