A sétima edição do Festival Literário Rota das Letras vai contar este ano com a jornalista e escritora portuguesa Ana Margarida de Carvalho, mas também com Julián Fuks, autor de “A Resistência”, a espanhola Rosa Montero, o casal Peter Hessler e Leslie T. Chang e o romancista e poeta Han Dong, entre outros

 

De 10 a 25 de Março, vai ter lugar o 7º Festival Literário de Macau “Rota das Letras”, que já conta com alguns nomes de peso confirmados.

Entre eles encontra-se a portuguesa Ana Maria de Carvalho. Jornalista e escritora, é autora de guiões de cinema e de uma peça de teatro. Além do seu romance “Que Importa a Fúria do Mar” ter vencido em 2013, por unanimidade, o Grande Prémio da Associação Portuguesa de Escritores, voltou a ser galardoada com o mesmo prémio em 2016 pelo seu segundo romance.

Segundo anunciou a organização do evento, na lista de convidados está também Julián Fuks, autor de “A Resistência”, em 2015, livro do ano no Prémio Jabuti, vencedor do Prémio Saramago e segundo lugar no Prémio Oceanos. Parte da sua obra está traduzida para oito línguas e foi publicada em 11 países.

Dos Estados Unidos, vem o casal Peter Hessler e Leslie T. Chang. O primeiro viveu dois anos em Fuling, uma pequena cidade afectada pela Barragem das Três Gargantas, do qual resultou o livro “River Town: Two Years on the Yangtze”. Hessler viveu na China 11 anos, completando uma trilogia que inclui “Oracle Bones” e “Country Driving”.

Já Leslie T. Chang também viveu uma década na China, onde foi correspondente do “The Wall Street Journal”. Para além disso, escreveu “Factory Girls: From Village to City in a Changing China”, onde acompanha a vida de duas jovens mulheres de uma zona rural que trabalham numa fábrica no Sul da China. Esta obra recebeu a distinção “The New York Times Notable Book”, venceu os prémios Literário PEN USA, o Literário Asiático-Americano e o Literário Internacional Tiziano Terzani.

Pelo Edifício do Antigo Tribunal vai também passar a espanhola Rosa Montero, repórter desde 1970 e que actualmente ainda publica com regularidade no El País e em diversas publicações importantes da América Latina. Desde o seu primeiro romance “Crónica do Desamor” de 1979, publicou 15 romances, duas biografias, três colecções de entrevistas, um livro de contos e várias obras para crianças. A sua mais recente obra é “A Carne” de 2016.

Da China Continental, a Rota das Letras recebe Han Dong, reconhecido como romancista, poeta, argumentista e realizador, autor de mais de 40 obras. Os seus trabalhos mais recentes incluem o “Love and Life (Happy and Secret)”, o livro de poesia “They” e a peça de teatro “Aspersions”.

O seu livro “Banished” foi nomeado para o Prémio Literário Man Asian em 2008, o romance “Small Town Hero Strides Forth” venceu a categoria de Romance do 7º Prémio Literário de Jinling e, em 2013, Han conquistou o 6º Prémio Internacional de Poesia de Zhujiang.

Também do Continente vem o autor A Yi. “Wake Me Up At 9AM” é o livro mais recente de A Yi, que foi escolhido com um dos 20 autores mais promissores da China pela “People’s Literature” e integrou também a lista de “20 autores abaixo dos 40” da Revista UNITAS.

Da lista provisória faz ainda parte Victor Mallet, editor noticioso do “Financial Times” para a Ásia com mais de 30 anos de experiência a cobrir a Ásia, Europa, Médio Oriente e África. O seu novo livro “Ganges River of Life, River of Death: The Ganges and Future” foi publicado pela “Oxford University Press” em Outubro de 2017.

O programa e lista final de convidados serão apresentados no início de Fevereiro.