Os fundos a angariar num jantar solidário organizado pela Câmara de Comércio França-Macau vão reverter para a “Macau Fok Sin Association”, que leva bens e companhia a idosos carenciados

 

Salomé Fernandes

 

Sob o tema “Extravagância no Moulin Rouge”, a Câmara de Comércio França-Macau (FMCC, na sigla inglesa), vai realizar um jantar de gala no MGM Macau com o objectivo de angariar fundos para a “Macau Fok Sin Association” e o seu projecto “Visitar os idosos”. O evento, que decorrerá a 26 de Janeiro, servirá ainda para celebrar simultaneamente os 10 anos de existência da entidade.

Depois de em 2017 terem sido reunidas 48 mil patacas para apoiar os “Arquitectos Sem Fronteiras” no projecto de reconstrução do Centro do Bom Pastor, o presidente da Câmara de Comércio, Rutger Verschuren, espera este ano conseguir angariar entre 50 a 60 mil patacas. Segundo a organização do evento, o número de idosos a apoiar está dependente do dinheiro que se colectar. O jantar, que tem vaga para 300 pessoas, ainda não esgotou a lotação.

Karen Wong, representante da associação, indicou em conferência de imprensa que as palavras “Fok Sin” significam respectivamente “sorte” e “bondade”, pelo que “é clara a missão de levar bondade e sorte à comunidade de Macau”. “Hoje em dia as pessoas da sociedade estão sempre ocupadas, e queremos trazer a mensagem de que para além de viverem a sua própria vida, devemos sempre estender ajuda aos necessitados”, disse a representante.

Em ocasiões como o Ano Novo Chinês, a associação organiza visitas a grupos menos privilegiados. As visitas demoram pelo menos 30 minutos e são levados três itens essenciais: comida, roupas de Inverno e objectos como bengalas ou óculos. No dia da gala também serão angariados fundos através da venda de rifas para prémios.

A “Macau Fok Sin Association” reúne jovens de diferentes contextos e formações que levam bens a pessoas mais velhas sem família e com problemas de mobilidade, a quem falta apoio emocional e financeiro. “Queremos também levar uma mensagem aos idosos, que passaram uma vida a contribuir para Macau. São heróis nos nossos corações que devemos apreciar com honestidade”, explicou Karen Wong.

O apoio da FMCC à “Macau Fok Sin Association” não foi aleatório. “É uma associação de caridade muito terra-a-terra, com um projecto que tem efeitos imediatos, e ainda há muitos idosos afectados pelo impacto do tufão ‘Hato’ por isso era importante apoiar essas pessoas. (…) Espero que alguns dos nossos membros queiram participar quando fizermos essas entregas de bens, apesar de ainda não o termos discutido, porque é uma caridade muito próxima dos nossos sentimentos. Não é simplesmente um donativo corporativo”, comentou Rutger Verschuren.

Este jantar de gala também conta com o apoio da TRIBUNA DE MACAU na qualidade de “media partner”.