Administrador - José Rocha Diniz | Director - Sérgio Terra | Nº 5287 | Domingo, 23 de Julho de 2017

Tranquilidade e tensão à porta da “fortaleza” de Pacquiao

Pacquiao treina com afinco

Pacquiao treina com afinco

 

Falta exactamente um mês para o grande dia de boxe no Venetian Macau. Em General Santos, o ambiente é de entusiasmo, com os filipinos encantados por voltarem a ver “Pacman” combater, esquecendo por momentos o clima de tensão que se vive nas regiões vizinhas

 

Pedro André Santos*

Nas Filipinas

 

Em General Santos, cidade do sul das Filipinas com pouco mais de meio milhão de habitantes, a situação é considerada “segura”, mas não muito longe, mais concretamente em Cotabato, a história já é outra devido a recentes conflitos por motivos religiosos. Segundo um residente local, o problema foi de tal forma intenso que afectou a internet em General Santos devido a um “blackout geral”.

Jornalistas, responsáveis da Top Rank e da Sands China jantaram na casa de Pacquiao

Jornalistas, responsáveis da Top Rank e da Sands China jantaram na casa de Pacquiao

Nas ruas daquela que é conhecida como a “capital do atum”, e apesar da segurança aparente, encontram-se com frequência vários polícias armados com caçadeiras junto a centros comerciais e entradas de hotéis, onde existem detectores de metais, cães-polícia para detectar droga e avisos para que as pessoas deixem as armas naquela zona.

Neste cenário misto de tranquilidade e tensão, a população local tem também os olhos postos em Manny Pacquiao, verdadeiro ídolo das Filipinas que em Novembro regressará aos ringues, em Macau.

Não será um combate de título, mas o combate de “Pacman” no Venetian é visto por muitos como uma espécie de “salvação” da carreira do pugilista. Não que tenha algo a provar, longe disso, ou não estivéssemos a falar de um campeão mundial em oito categorias de peso diferentes, algo inédito na modalidade. No entanto, Pacquiao somou duas derrotas nos dois últimos combates, e por isso há quem defenda que se deveria retirar quando faltam menos de dois meses para completar 35 anos.

 

Treinar no duro

O combate com Brandon Rios está agendado para o próximo mês, na Arena do COTAI, e o pugilista filipino já treina arduamente para limpar a dupla derrota e mostrar que ainda está em grande forma. Em General Santos, Pacquiao passa o tempo entre a “fortaleza” onde vive e o ginásio, do qual também é dono.

Carro de Manny Pacquiao

Carro de Manny Pacquiao

Como forma de promover o evento, várias dezenas de jornalistas marcaram presença na cidade do sul de Mindanao para acompanhar os treinos de Pacquiao, que se revelou um grande anfitrião ao receber dezenas de jornalistas de vários cantos da Ásia na sua casa para um jantar de boas-vindas. O caminho entre o (pequeníssimo) aeroporto de General Santos e os aposentos de “Pacman” fez-se por uma estrada “no meio do nada” em que as únicas luzes eram as dos poucos (ou nenhuns) veículos que por ali circulavam.

A entrada da casa faz lembrar um castelo, com uma grande muralha e dois guardas (bem) armados à porta. Depois de entrar algo ainda mais invulgar: um campo de basquetebol cheio de pessoas.

Afinal, Pacquiao é também um grande adepto de basquetebol, e trocou algumas palavras com o JTM enquanto observava atentamente a partida. “Está proibido de jogar”, explicou o “manager”, “para se evitarem lesões”. E com a grande noite do combate tão perto é compreensível, mas os olhos de Manny não enganavam, estava cheio de vontade de ir lá para dentro.

Pugilista de Macau treinou com Freddie Roach

Pugilista de Macau treinou com Freddie Roach

O dia de ontem foi reservado aos treinos de boxe e entrevistas com vários pugilistas que vão actuar em Macau. No centro das atenções esteve Pacquiao, claro está, mas não foi o único. Não passou despercebida a presença de Ng Kuok Kuon, ou KK, o jovem pugilista de Macau que se vai estrear no território em grande ao fazer parte do cartaz de combates agendados para a Arena do COTAI. Tendo como ídolo Manny Pacquiao, KK viveu um verdadeiro sonho nas Filipinas ao ter não só a oportunidade de conhecer o pugilista, como também o seu treinador, o “lendário” Freddie Roach.

Ainda durante o dia, destaque para o treino do bicampeão olímpico Zou Shiming, muito popular entre os presentes e que irá combater pela terceira vez em Macau.

O grande duelo está marcado para 24 de Novembro. Ao contrário dos restantes será da parte da manhã, tendo em vista a transmissão televisiva para os Estados Unidos.

 

* Jornalista do JTM viajou para as Filipinas a convite da Sands China

21 JUL 2017

CAPA DO DIA

21 JUL 2017

Edição de papel actualizada às 15H de Macau

OPINIÃO DE JOSÉ ROCHA DINIZ

Macau, the Special One

ver mais videos

Edições anteriores

seleccione
seleccione

Taxas de Câmbios

Moeda
MOP / EUR 0.1131
MOP / HK 1.0300
MOP / RMB 0.8925
MOP / USD 0.1318