Foto Arquivo
Foto Arquivo

Um na Luz e outro na Grécia apostam numa entrada “com o pé direito” o que quer dizer, arrebatar os três pontos e recolher algum do prémio em jogo. Mais complicada a tarefa leonina! Mas o grande jogo do dia é em Barcelona que defronta a Juventus

 

Costa Santos Sr.

 

A ambição de estar presente na fase de grupos da Liga dos Campeões, tem muito que ver com o prestígio internacional que daí pode advir, para os jogadores e para as equipas, e com os muitos euros que aí poderão ir buscar.

Principalmente as equipas portuguesas que, em matéria de finanças, estão a anos-luz das suas congéneres europeias.

Conseguido o objectivo de carimbar o passaporte para a fase de grupos há, agora, que dar o máximo para os alvos seguintes.

E o primeiro “passo” será dado hoje. Em Lisboa, na “catedral” da Luz, o Benfica recebe o CSKA de Moscovo.que, na última jornada foi vencer ao terreno do Amkar (0-1), muito embora no cômputo das 9 jornadas já realizadas, ocupe o quarto lugar com 16 pontos, correspondendo a 5 vitórias, 1 empate e 3 derrotas. Mas isso é no confronto com as equipas russas, não se podendo estabelecer um paralelismo quanto ao jogo de hoje.

Mais a mais, pelo que tem mostrado, os campeões nacionais ainda não estão com a dinâmica de jogo necessária para estes embates e a sua defesa mostra uma permeabilidade grande. Porém, estes jogos espicaçam a motivação e esta faz subir os índices de confiança. Como por cá se diz “um mau ensaio geral significa uma boa estreia”, espera-se isso mesmo, uma boa estreia e pontos para o ranking português que bem necessitado está.

A equipa provável: Bruno Varela; André Almeida, Luisão, Lisandro Lopes e Eliseu; Sálvio, Samaris, Pizzi e Jimenez; Seferovic e Jonas.

A outra equipa portuguesa a jogar hoje, é o Sporting. Uma viagem relativamente cómoda para Atenas, muita moral pelos resultados obtidos na Liga portuguesa e pelas informações que os “espiões” deram relativamente à observação feita do último encontro do campeonato grego, em que o Olympiakos empatou na casa do Xanthi(1-1).

As últimas notícias dizem que Jorge Jesus não poderá contar com Fábio Coentrão para o lado esquerdo da defesa e que nem sequer fez a viagem, enquanto na direita a ausência de Piccini dará lugar à estreia do macedónio Ristovski, habituado a estes palcos (fez o play off pelo seu anterior clube, o Rijeka) e única alternativa “de raiz” do técnico leonino.

Equipa provável – Rui Patrício; Ristovski, Coates, Mathieu e Jonathan Silva; William Carvalho; Gelson Martins, Bruno Fernandes, Bataglia e Acuña; Bas Dost.

O grande jogo do dia (para quem gosta de futebol, bem entendido…) poderá ser aquele que se disputará em Camp Nou, entre o Barcelona e a Juventus, curiosamente integrado no grupo D, em que se encontra o Sporting.

É que, em jogos deste nível, por muito que o factor casa possa pesar no “alinhavar” das ideias, a grande verdade é que, na prática, pesarão pouco, muito pela habituação que estes jogadores têm em pisar os grandes palcos como, também, em enfrentar o “inferno” que as massas associativas “adversárias” costumam fazer.

Nem será necessário esmiuçar o valor destes plantéis ou lembrar aqueles que rumaram a outras paragens na “janela” de transferências. Estas equipas valem por si, pelo peso que a sua estrutura impõe e, claro, pelos resultados que vão obtendo nos respectivos campeonatos. E aqui, temos um Barcelona invicto e, por isso, com 9 pontos em 3 jornadas, exactamente o mesmo número de jogos e pontuação que a Juventus. Um pormenor os separa: o Barcelona tem 9 golos marcados e 0 sofridos e a Juventus tem 10 golos marcados e 2 sofridos.

Mas a jornada tem outros aliciantes. No mesmo grupo do Benfica, o Manchester United desloca-se a Basileia, onde o FC Basel costuma ser equipa difícil, mesmo para uma equipa de Mourinho em alta, mau grado o meio- percalço sofrido em Stoke City.

No grupo B, dois encontros também interessantes – o Bayern Munich recebe o Anderlecht e por muitas dúvidas que haja sobre a forma da equipa de Carlo Ancelloti, o campeão alemão é totalmente favorito, enquanto o bilionário PSG desloca-se a Glasgow para defrontar o Celtic. Se a equipa local retirar um ponto que seja à turma francesa, seria um escândalo.

A jornada de hoje comporta ainda para o grupo C, o aliciante Roma-Atlético de Madrid e o Chelsea- Qarabag FK, esta uma desconhecida equipa do Azerbeijão que não deverá ter argumentos para os campeões em título no Reino Unido.