CHINA

A última grande central energética alimentada a carvão em Pequim suspendeu operações, com a electricidade da cidade a ser agora gerada por gás natural, informou a agência Xinhua. O fecho da central “Huangneng Beijing” surge após a reunião anual legislativa, onde o Primeiro-Ministro Li Keqiang prometeu “tornar os céus novamente azuis”.

 

HONG KONG

Três jovens manifestantes de Hong Kong, incluindo dois estudantes e um cozinheiro, foram condenados a penas de três anos de prisão cada devido à participação nos tumultos que degeneraram em violentos confrontos em Fevereiro de 2016 na zona de Mong Kok.

 

JAPÃO – I

Um tribunal japonês decidiu, pela primeira vez, que o Governo de Tóquio tem responsabilidades no desastre nuclear de Fukushima, em 2011, exigindo-lhe, e à operadora da central, o pagamento de indemnizações, num total de 38,6 milhões de yen (2,7 milhões de patacas).

 

JAPÃO – II

O Parlamento japonês recomendou uma lei de excepção para autorizar o actual imperador, Akihito, e apenas ele, a abdicar em vida devido à idade avançada, algo que a legislação não prevê. No Verão passado, Akihito, de 83 anos, manifestou vontade de abdicar depois de quase três décadas no trono.

 

FILIPINAS

Vinte e oito supostos consumidores e traficantes de drogas morreram em confrontos com a polícia nas Filipinas desde que o Presidente Rodrigo Duterte retomou há 10 dias a campanha anti-drogas com a promessa que seria “menos sangrenta”, indica um relatório da Polícia Nacional.

 

ÍNDIA

As forças de segurança da Índia realizaram “simulações rotineiras” nas imediações do Taj Mahal, após um blog supostamente vinculado ao grupo Estado Islâmico sugerir o histórico monumento como possível alvo de um ataque.

 

TIMOR-LESTE

O BNU, sucursal da CGD em Díli e maior banco em termos de depósitos e créditos dos quatro que operam no país, já tem em funcionamento um sistema idêntico ao multibanco português. No prazo de dois meses, o banco irá começar a emitir cartões de crédito, os primeiros da banca timorense.

 

COREIA DO SUL

Dois milhares de pessoas marcharam no sábado pelas ruas de Seul exigindo que a destituição da ex-presidente Park Geun-Hye seja anulada. O Ministério Público ordenou que Park compareça para interrogatório amanhã, no âmbito do escândalo de corrupção.

 

AUSTRÁLIA

A comissão oficial que investiga os abusos sexuais a menores na Austrália deu conta da denúncia de 1.082 casos na Igreja Anglicana, um mês após a revelação de mais de 4.000 na Igreja Católica. Segundo um relatório, 75% das vítimas são do sexo masculino e a idade média atinge 11 anos.

 

UNIÃO EUROPEIA

A Comissão Europeia impôs multas de 776 milhões de euros a 11 empresas do sector do transporte aéreo de mercadorias, acusadas de integrarem um cartel de fixação de preços. As maiores sanções foram aplicadas à Air France-KLM (310 milhões) e British Airways (104 milhões).