A China anunciou a nomeação de Chen Miner como chefe do Partido Comunista (PCC) em Chongqing, influente município habitualmente representado no Politburo, reforçando assim a reputação de um dos principais favoritos à sucessão do Presidente Xi Jinping, antes da remodelação da liderança do partido, no Congresso de Outono. Chen trabalhou com Xi em Zhejiang, onde o actual Presidente foi líder provincial, e desde então subiu rapidamente nas fileiras do PCC. Visto como uma “estrela” política em franca ascensão, Chen chefiava até agora o PCC na província de Guizhou e ruma a Chongqing para substituir Sun Zhengcai. De acordo com a imprensa estatal, Chen já se reuniu com altos funcionários de Chongqing e prometeu “proteger firmemente o estatuto principal do secretário-geral Xi Jinping”.